Iron Knight: o caminhão mais rápido do mundo

O Caminhão mais Rápido do Mundo: Iron Knight | Volvo na Estrada

    Conhecido como o caminhão mais rápido do mundo, o Iron Knight é um veículo com desempenho que quebrou dois recordes de velocidade nas categorias de 500 e 1.000 metros, sendo desenvolvido especialmente com um único objetivo: desempenho.

    O caminhão foi desenvolvido por uma equipe de especialistas que encontrou uma maneira inovadora de mesclar tecnologia com design. Veja a seguir, algumas características que fizeram com que esse caminhão se tornasse o mais rápido do mundo:

  • 2.400 cv, 6.000 mkgf de torque e um peso de 4,5 toneladas;
  • O motor montado no centro é um modelo D13 convencional com modificações externas para desempenho máximo: duas entradas de ar com filtros abertos e quatro turbocompressores, além de três trocadores de calor resfriados a água;
  • A caixa de câmbio I-Shift de dupla embreagem mantém o torque durante as trocas de marchas, com uma única modificação feita no disco da embreagem, reforçado para suportar a exigência de 6.000 Nm de torque;
  • Os componentes foram minimizados para remover o peso do veículo;
  • O software foi reprogramado para oferecer alto desempenho;
  • A aerodinâmica da cabine, feita de fibra de vidro, foi otimizada. As grandes entradas de ar das saias fornecem ao motor ar de refrigeração;
  • O chassi foi projetado com reforços especiais para manter todos os componentes alinhados, fornecendo potência máxima;
  • Acelera de 0 a 100 km / h em apenas 4,6 segundos.

O “Cavaleiro de Ferro”, apelido de Iron Knight, foi conduzido pelo ex-campeão europeu de corridas de caminhões Boije Ovebrink, que possui mais de 30 anos de experiência e vários recordes quebrados. O teste foi realizado em uma pista no norte da Suécia, onde o caminhão fez 1.000 metros em 21,29 segundos e com 169 km/h de média. Já nos 500 metros, o Iron Knight obteve um tempo de 13,71 segundos e 131,29 km/h de velocidade média. A velocidade máxima alcançada foi de 276 km/h.

       O presidente da Volvo Trucks afirma que os resultados confirmam o potencial da transmissão I-Shift. “Um potencial enorme e que não o deixa ficar mal em condições extremas. O fato do recordista mundial utilizar a mesma caixa de velocidades dos nossos caminhões FH de série é algo de que nos orgulhamos muito”.

     Gostou das novidades? Para continuar acompanhando nosso blog, nos siga nas redes sociais: Facebook | Instagram