Conheça como é feita a montagem de uma cabine Volvo

Conheça como é feita a montagem de uma cabine Volvo | Volvo na Estrada

Em nossa fábrica na Suécia, são produzidas mais de 120 cabines Volvo por dia. Cada uma delas leva cerca de 6 horas para ficar totalmente pronta, além disso, são centenas de peças que compõem essa cápsula de segurança projetada pela Volvo. Alguns números impressionam, confira:

  • 3.500 peças são usadas para compor toda a cabine.

  • 240 operadores trabalham na linha de produção durante a montagem.

  • 56 estações de trabalho fazem parte da linha de operação.

  • 5,5 minutos é o tempo, em média, que cada estação leva para completar a sua função.

  • 6 horas, é o tempo total que uma cabine leva para passar por toda a linha de montagem.

  • 120 cabines são produzidas por dia.

A chave é ter um processo altamente organizado, onde cada detalhe e ação foram projetados para máxima velocidade, precisão e eficiência.
A produção começa apenas com um revestimento de cabine, que foi fabricado e pintado na fábrica da Volvo Trucks em Umeå, no norte da Suécia, antes de ser transportado de trem para a fábrica de Tuve em Gotemburgo. A equipe prepara esse esqueleto para a linha de montagem principal, removendo a placa do painel e a tampa dianteira. A cabine é então alimentada na linha de montagem principal com outros componentes, onde se moverá a uma velocidade de um metro por minuto.

A cabine passará por 56 estações de trabalho diferentes, onde os operadores terão uma média de 5,5 minutos para concluir suas tarefas, antes de passar para a próxima estação. Cada processo foi cuidadosamente projetado e estruturado para garantir a máxima eficiência e rapidez, com todas as ferramentas e peças necessárias. Segurança e ergonomia também são primordiais, com a equipe provida de vários auxiliares de elevação e suporte.

 

A linha de montagem é formada de acordo com uma estrutura de espinha de peixe: uma linha principal no meio, com linhas de pré-montagem menores para módulos maiores ao longo dos lados. Quando se trata do painel, existem até linhas de pré-montagem para a pré-montagem: componentes individuais são montados para fazer pequenos módulos, que são montados em um painel completo que é encaixado diretamente em uma cabine na linha principal.

Existem cerca de 3.500 peças com tamanhos e especificações diferentes, praticamente todas as cabines são únicas. O processo é excepcionalmente complexo, projetado para limitar o risco de erro humano. Por exemplo, para garantir que os catadores de peças coletem as peças certas para cada cabine, um sistema de luzes indica quais peças são necessárias para a próxima montagem. Depois que tudo tiver sido coletado e movido para a linha principal, o selecionador de peças simplesmente pressiona um botão para a próxima seqüência de luzes.

A grande maioria das peças e componentes é instalada manualmente. No entanto, dois robôs são usados ​​para instalar pára-brisas, janelas laterais e escotilhas de teto nas cabines do Volvo FH. Cada um levanta as telas de vidro usando tampas de sucção e gira cuidadosamente a borda sob um dispensador de cola. Vários sensores ao redor da cabine garantem que ela esteja exatamente na posição correta para os braços robóticos. Cada robô é programado para saber exatamente qual modelo de cabine deve estar na linha em qualquer momento e é calibrado para colocar o vidro dentro de 0,1 mm.

 

Nas estações finais, a equipe testa todas as funções de controle. Luzes brilhantes iluminam a cabine, para verificar a pintura e o acabamento do corpo. Em seguida, é transportado para outra linha de montagem, onde é conectado ao chassi e à linha de transmissão.

Para conhecer ainda mais sobre os nossos brutos, fique de olho aqui no blog e nas nossas redes sociais: Facebook | Instagram